Uma pergunta me incomodava com toda essa polêmica sobre a batida forçada de Nelsinho Piquet no GP de Cingapura do ano passado. Será que se isso não tivesse acontecido, ou se descobrisse a farsa antes do fim do campeonato, a tempo de invalidar a vitória de Alonso, Felipe Massa não teria sido campeão? Lembrem-se que o campeonato terminou com vantagem de apenas um ponto de Lewis Hamilton à frente do brasileiro.

Buscando a classificação do GP, vi que não faria diferença. Aliás, o inglês terminaria com vantagem maior.

Resultado da corrida:

1 – Fernando Alonso – ESP/Renault – 61 voltas – 1h49smin931
2 – Nico Rosberg – ALE/Williams – a 2s9
3 – Lewis Hamilton – ING/McLaren – a 5s9
4 – Timo Glock – ALE/Toyota – a 8s1
5 – Sebastian Vettel – ALE/Toro Rosso – 10s2
6 – Nick Heidfeld – ALE/BMW – 11s1
7 – David Coulthard – ESC/Red Bull – 16s3
8 – Kazuki Nakajima – JAP/Toyota – 18s4
9 – Jenson Button – ING/Honda – 19s8
10 – Heikki Kovalainen – FIN/McLaren – 26s9
11 – Robert Kubica – POL/BMW – 27s9
12 – Sebastien Bourdais – FRA/Toro Rosso – 29s4
13 – Felipe Massa – BRA/Ferrari – a 35s1
14 – Giancarlo Fisichella – ITA/Force India – a 43s5
15 – Kimi Raikkonen – FIN/McLaren – não completou
16 – Jarno Trulli – ITA/Toyota – não completou
17 – Adrian Sutil – ALE/Force India – não completou
18 – Mark Webber – AUS/Red Bull – não completou
19 – Rubens Barrichello – BRA/Honda – não completou
20 – Nelsinho Piquet – BRA/Renault – não completou

Aquela corrida foi um desastre para Massa. Foi nela que ele saiu com a mangueira de combustível engatada no carro por causa de um erro da equipe, que usou aquele dispositivo com luz pra avisar do momento de sair do box. Hamilton ficaria com o 2º lugar, ou seja, teria mais dois pontos na tabela.

É claro que não dá pra analisar a situação do final para o meio da corrida. Afinal, foi por causa da batida de Nelsinho que a corrida virou a favor de Alonso. Foi por causa disso que Massa entrou às pressas no box e se atrapalhou. Tudo teria sido diferente.

Aliás, a corrida do ano passado teve outro lance inusitado. Quem se lembra?

video